The New Stuff

Shell-Script: Script – muda conteúdo de arquivos texto de iso-8859-1 para utf8 recursivamente


Como utf8 é o padrão mais adotado ultimamente e o windows tema em manter um padrão próprio (podemos chamar isso de padrão?!), resolvi fazer esse script para me ajudar no dia a dia:

A partir do diretório atual, vai corrigindo o conteúdo dos arquivos de iso-8859-1 para utf8, e em arquivos html muda também o campo charset para utf8, e nos xml muda também o campo encoding para utf8.

Vou postar também o link de outro script que muda os nomes de arquivos e diretórios de iso-8859-1 para utf8. Afinal, mudar somente o conteúdo dos arquivos não é suficiente.

[]s
Daniel Ribeiro
http://danielbr-news.blogspot.com
http://danielbr-dev.blogspot.com


Viva o Linux

Incoming search terms:

Recently Published

article image
»

Virsh: criando e gerenciando VMs pelo terminal

Virsh! Enviado por Marcos Paulo de Souza ...

article image
»

Qt 5.5 adiciona novos módulos e amplia o suporte multiplataforma

Via www.infoq.com: o novo release do Qt 5.5 corrigiu quase 1500 bugs ...

article image
»

Firefox poderá rodar plugins do Chrome e Opera de maneira mais fácil

O título acima é da matéria da PC World. No LinuxToday saiu como ...

article image
»

Instalando o Zabbix Server e Zabbix Agent no Raspberry Pi

Enviado por Marcos Vinícius Campez (marcosΘbytelivre·net): “Olá ...

article image
»

Tudo que você queria saber sobre processadores de texto II, a Missão

Enviado por Juan Carlos Castro (jccyc1965Θgmail·com): “O podcast ...

article image
»

OnHub, o novo roteador WiFi do Google, roda Gentoo

Uma das notícias mais relevantes de ontem, nos campos da ...

article image
»

Mozilla testa um “modo secreto” de verdade para o Firefox

Via idgnow.com.br: A Mozilla quer tornar a navegação privada em ...

article image
»

Como voltar a usar o chat do Facebook no Pidgin com o Purple Facebook

Enviado por Edivaldo Brito (edivaldobezerraΘgmail·com): “O ...

article image
»

Transmission – Gerencie seus torrents pelo terminal

Enviado por Gildásio Júnior (gildasio97Θgmail·com): “Aqui irei ...